domingo, 10 de julho de 2011

A chama acesa

O Brabo certa vez disse que a esperança é tão frágil quanto a chama de uma vela que qualquer um pode apagar. Continua, apesar de tudo, acesa.
O vídeo abaixo já está meio ultrapassado. Afinal, já tem quase dois meses que aconteceu o que foi chamado de "revolução espanhola 2011"... tanto tempo!!!
Mas o video (imagens e música) tem uma força que permanece no coração e, quem sabe, nos anime a manter a chama acesa... (espero que as legendas em inglês não impeçam de captar a mensagem)

4 comentários:

Fábio Adiron disse...

Outros sentimentos são, a meu ver, mais voláteis, Como dizia nosso amigo Paulo, o apóstolo, a fé, a esperança e o amor, permanecem.

Francisco Chagas disse...

Adicionei aos favoritos!!!
Um forte abraço, meu querido.
Chagas

Lou Mello disse...

A manifestação da juventude espanhola, que transcendeu a isso, foi espetacular, sem dúvida. Ela deve redundar em mudanças estruturais nesse país, acredito. O detalhe, talvez ínfimo ou nem tanto, é que os jovens espanhóis reivindicam menos brasileiros por lá, para eles, uma das principais causas do desemprego acentuado deles. Acho justo, sempre fui contra essa imigração inexplicável de brasileiros para todas as partes do planeta. Também me lembra a grande imigração espanhola para o Brasil, de como eles foram recebidos aqui e, jamais, responsabilizados por quaisquer que fossem nossas mazelas. De qualquer forma, deixo aqui, um grande abraço aos hermanos de Espanha e que vivam felizes para sempre.
OPS: Desde quando "A Gruta" deixou de ser um de seus blogs prediletos? :(

Roger disse...

Porque temos sumido aos poucos?