domingo, 29 de julho de 2012

Engana que eu gosto

Uma grande parte dos seriados policiais americanos (Criminal Minds, Lei e Ordem, L&O SVU, CSIs, Bones, NCIS, Unforgettable, The Firm, Body of Proof, etc) que passam nos canais pagos de TV mostram que os grandes criminosos dos Estados Unidos são apenas indivíduos muito doentes mentalmente. Raramente, levantam a hipótese de que esses criminosos são sintoma de uma doença social. Pelo contrário, sempre que podem, esses seriados reafirmam a crença - quase cega - de que o "american way of life" é o melhor sistema social que existe.
Sim, me engana que eu gosto...

4 comentários:

Lou Mello disse...

É verdade. Por outro lado, essa ideia me faz pensar que nós temos a tendência mais freudiana de encontrar um responsável externos para nossas próprias asneiras, quase sempre. Ah, o cara matou a familia inteira a pauladas ou facadas porque sofreu abusos na infância. Quase todos sofrem abusos quando são pequenos e abusam dos menorzinhos quando podem, também e, nem por isso, acabam com a família. Sei lá, me convenço que o ser humano é o problema, sempre, com ou sem abusos. Uma coisa é certa, um erro não justifica o outro. Punam-se todos os culpados, assassinos e mandantes ou aceitem o tal perdão abrangente e incondicional do Chefão. Tema complicado esse. Vê se fala mais de flores e receitas de bolo que é mais fácil de comentar.

rica disse...

Seriados americanos são as novelas da globo em linguagem hollywoodiana. Apreciar não é pecado. Na verdade, queimarás no inferno só se não praticar o senso crítico.

rica disse...

São novelas na sua versão hollywoodiana. Apreciar não é pecado. Somente queimarás no inferno se não praticareres senso crítico.

rica disse...

esqueço que tem moderação. achei que tava com pau no java.