quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Paixão

..."Fizeram amor desesperadamente, como dois náufragos que soubessem que o mundo era todo feito de mar, sem ilha, sem terra, sem barco...
...Quando se faz amor assim, de paixão total, fica-se longe das palavras. O encantamento é uma casa que tem o silêncio por tecto. Por isso, os dois amantes se guardaram calados por um tempo vasto"...

Ainda leio, lenta e deliciosamente, "O outro pé da sereia", de Mia Couto, publicado pela Companhia das Letras. Veja outros trechos aqui, aqui e aqui.

4 comentários:

Dona Sra. Urtigão disse...

Mia Couto é... Mia Couto!
Boa dica!

neli araujo disse...

Olá, Rubinho!

Ainda não li um livro de Mia Couto, apenas alguns trechinhos...Mas, sempre que o faço, gosto muito!

Agora fiquei com vontade de ler "O outro pé da sereia"!

Estou lendo o "Guardião de Memórias", e estou gostando muito, mas quando acabar vou para Mia Couto, for sure!

Abraços,

neli

Alex Liki disse...

=) Valeu pela dica!

Juber Donizete Gonçalves disse...

Rubinho,

Estou só anotando as dicas, Mia Couto, além do filme A Era da estupidez. Agora é ler e assistir.

Abraço.